Origem da expressão lua-de-mel

A expressão lua-de-mel tem vários significados, já que não é originária de um lugar específico. Hoje vamos mostrar alguns significados:

Na Irlanda era de costume que os noivos tomassem hidromel – uma bebida de baixo teor alcoólico – durante um mês ou uma lua. Já que o mel era considerado uma fonte de vida, com propriedades afrodisíacas.

Ele era bebido para receber as bênçãos dos deuses que proporcionavam fertilidade.

Na Babilônia, há mais de 3.500 anos, era o pai da noiva quem presenteava o noivo com uma garrafa de cerveja de mel, para desejar sorte e fertilidade.

Em Roma, era a mãe da noiva que depositava uma vasilha com mel no quarto do casal, por cerca de um mês. Já que o mel era símbolo de fertilidade.

Agora no início do século XIX na Inglaterra, era comum os casais aproveitarem para viajar logo após o casamento, para se conhecerem melhor. Já que na época os casais não ficavam sozinhos até que o casamento fosse celebrado.

O Vaticano aceitou esse costume, porque o mel era símbolo de união, por ser um alimento “incorruptível”. O que é uma metáfora perfeita para o ideal do matrimônio cristão.

Converse Comigo